Entrevista de emprego: a hora da verdade

As empresas são reflexo das pessoas que a integram. Acontece que a escolha do(a) candidato(a) certo para a vaga certa é feita em questão de minutos, quando um detalhe pode definir a contratação, ou não, do(a) pretendente ao cargo.

A boa notícia é que as perguntas comportamentais comprovadamente revelam o potencial de um(a) candidato(a), especificamente no que diz respeito a sua capacidade de adaptação, crescimento, colaboração, priorização e liderança.

Vamos juntos passar por cinco questões cruciais neste momento fatídico. Esteja pronto para gabaritar nas entrevistas.

Conte-me sobre você?

Essa pergunta lhe oferece uma ótima oportunidade para gerar empatia e quebrar o gelo com o recrutador, deixando o clima da entrevista mais leve. O empregador quer entender seu posicionamento profissional, sua maneira de se apresentar, seu grau de autoconhecimento e se você é introvertido ou extrovertido. Suas respostas podem revelar se você está alinhado(a) aos valores e à cultura organizacional da empresa.

Portanto, fique atento(a) para responder esta pergunta balanceando sua história pessoal à sua carreira. E não caia na tentação de fazer somente um simples resumo de suas qualificações, atividades e experiências profissionais, pois estas informações já constam no seu currículo. Vá além e procure encantar o recrutador com o que ele realmente quer saber: gostos, hobbies, identificação com determinada área de atuação, esporte que pratica, tipo de filmes e series que assiste.

As melhores respostas são honestas, claras e pontuais. Compartilhe algo interessante sobre você, que o ilumine e demonstre que é o candidato certo para a posição oferecida. Cite as experiências e conhecimentos que mais se identificam com requisitos da vaga em questão. Esteja pronto para mostrar três ou quatro de suas qualidades pessoais, habilidades e (ou) áreas de especialização que sejam inerentes ao futuro cargo.

O que você sabe sobre a nossa empresa?

Essa pergunta quer identificar se você realmente está procurando um emprego que satisfaça os seus anseios de carreira, ou se está procurando qualquer empresa que lhe dê uma oportunidade. Quando o recrutador ou o gestor responsável pela vaga faz essa pergunta ele quer saber se você se importou em conhecer a organização.

Hoje em dia, as empresas não querem apenas um empregado que realiza o seu trabalho, e sim alguém que realmente se identifique com a cultura da organização, que se envolva com a causa da instituição e que se sinta motivado pelo valor que a empresa gera ao mercado.

Uma entrevista de emprego não é pingue-pongue, onde o recrutador lança a pergunta e você devolve a resposta. A entrevista de emprego é uma conversa na qual você também pode desenvolver perguntas. Os recrutadores gostam de pessoas com perguntas inteligentes, que se interessam pela organização e que proporcionam um bate-papo descontraindo, onde não é só você a persona de interesse, mas a empresa também.

Para estar afiado, pesquise no site da empresa o histórico, conquistas, metas e valores da organização. Faça a busca no LinkedIn, verificando o feed de notícias, artigos e fotos. Preste atenção na imagem institucional que a empresa passa para seu público alvo. Visite também as páginas do Facebook e Twitter. Mostre que está, de fato, interessado pela vaga e pela organização.

Qual o seu ponto forte?

Com essa pergunta, o empregador quer identificar se suas forças estão alinhadas às necessidades da empresa e responsabilidades da função. Sua resposta o ajudará a decidir se você é ou não o candidato certo para o cargo. Portanto, essa é a hora de destacar os atributos que o qualificam para o trabalho específico e o diferencia dos outros candidatos.

Descreva suas habilidades e experiências que se relacionam com o trabalho para o qual você está se candidatando. Perceba as competências necessárias para a vaga e quais você possui. Escolha as três mais importantes para serem citadas durante a entrevista, com exemplos anteriores, sem necessariamente mencionar: “essas são minhas principais qualidades”.

Quais são seus pontos a desenvolver?

Essa é uma das questões que mais geram incomodo por parte dos candidatos e que muitos não sabem o que responder. Ao fazê-la, o recrutador testa seu autoconhecimento e maturidade profissional. Seja sincero e discorra sobre questões que você realmente necessita desenvolver, mas que não causem grande impacto no desenvolvimento da função. Mostre como você vem trabalhando para superar essas carências.

Por que você deve ser o candidato escolhido?

Essa questão normalmente encerra as entrevistas. Com ela, o recrutador pretende saber se você entendeu sua explanação sobre a empresa e a vaga. Ao se colocar como o candidato ideal, mostre todo seu conhecimento e entendimento sobre a posição. Só tome cuidado para não ultrapassar a linha entre a confiança e a prepotência.

Se eu for resumir tudo o que foi mostrado neste texto em uma só palavra, ela é “preparação”. Prepare-se, pois o tempo gasto não será perdido e sim recompensado com a conquista do seu novo emprego.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *